Você está em:

A UNISA / Institucional/Notícias
Notícias

    Médicos da Unisa iniciam cirurgias no ouvido por vídeo pelo SUS

    Os médicos da Universidade Santo Amaro - Unisa, docentes e residentes do Serviço de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, iniciaram a realização de cirurgias otológicas por videoendoscopia. Os procedimentos, realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), envolvem menores riscos e melhores resultados para os pacientes com otosclerose, doença que causa a perda auditiva. As cirurgias por videoendoscopia são realizadas também para reconstrução da membrana do tímpano, ossículos do ouvido e tratamento de colesteatomas (tipo de cisto no ouvido).

    As cirurgias, realizadas no Hospital Geral do Grajaú (HGG) e no Hospital Escola Wladimir Arruda (Hewa), são lideradas pelo médico Dr. Raul Vítor Rossi Zanini, docente de Otorrinolaringologia e especialista em cirurgia otológica, e pelos médicos residentes de terceiro ano de Otorrinolaringologia.

    Com a técnica por vídeo, o paciente pode sentir os benefícios logo após a cirurgia, ou seja, com quadro inicial de perda auditiva, ele já começa a ouvir e tem alta no dia subsequente à cirurgia. De acordo com o coordenador da Comissão de Residência Médica (COREME) da Unisa, Prof. Dr. Osmar Clayton Person, o tempo de internação e recuperação, comparado a uma cirurgia convencional é menor, sendo a recuperação mais rápida.

    O procedimento é recomendado para outros tipos de perdas auditivas. No caso da otosclerose, o médico explica que um pequeno osso do ouvido (estribo) é trocado por uma prótese. “Com essa troca, o nível auditivo do paciente que era bem baixo, tende a melhorar. Ele começa a perceber a melhora pouco tempo após o procedimento”, explica.

    O professor ressalta que a técnica representa “o que há mais de moderno na área de Otologia”, pois permite melhor visualização e entendimento da anatomia cirúrgica do ouvido. Segundo ele, infelizmente os procedimentos otológicos por videoendoscopia ainda são escassos nos serviços públicos brasileiros.

    Universidade Santo Amaro: 03/05/2019 10:26
    Compartilhar:
    • Facebook
    • Twitter
    • Linkedin